7 jogadores que podem jogar a Copa e que seriam bons reforços para times brasileiros

Abr 21

Ter um jogador que jogou ou vai jogar uma Copa do Mundo geralmente é motivo de orgulho para qualquer equipe ou torcedor

Blog do Rafael Reis separou sete exemplos de atletas convocados para suas seleções que podem ser bons reforços para os clubes brasileiros no segundo semestre. Confira!

1. Nahitan Nández (Boca Juniors)

Principal jogador do Peñarol na Libertadores do ano passado, o meia uruguaio de 22 anos foi contratado pelo Boca Juniors por 3,4 milhões de euros (R$ 13,7 milhões). Provável titular da Celeste no Mundial da Rússia, Nández é um investimento que tem tudo para dar certo.

2. Yimmi Chará (Junior Barranquilla)

O meia-atacante de 26 anos já mostrou suas credenciais quando o Junior enfrentou o Flamengo na semifinal da Copa Sul-Americana do ano passado. O bom momento fez que com o baixinho de 1,62m voltasse a ser convocado para a seleção colombiana.

3. Maxi Pereira (Porto)

Lateral-direito que caminha para sua terceira Copa do Mundo, o uruguaio Maxi Pereira tem 33 anos e está vinculado ao Porto até 2019. No entanto, como passou boa parte da temporada na reserva e já é um jogador experiente, não deve ter um retorno à América do Sul dificultado pelo clube português.

4. Fabrício Bustos (Independiente)

Um dos destaques do Independiente que conquistou a Copa Sul-Americana no ano passado, Bustos tem apenas 21 anos e já chamou atenção de Jorge Sampaoli. A tendência é que o lateral-direito se transfira para a Europa, mas um empréstimo de seis meses antes da ida definitiva para o Velho Continente não está descartado.

5. Victor Cantillo (Junior Barranquilla)

Outro jogador do Junior Barranquilla, Cantillo é um jogador de meio-campo com características mais defensivas. Foi convocado para a Seleção Colombiana pela primeira vez para disputar os amistoso do fim do mês contra Austrália e França e tem 24 anos.

6. Guillermo Varela (Peñarol)

Destaque da Seleção Uruguaia desde as categorias de base, o lateral-direito de 24 anos acumulou passagens por clubes europeus antes de retornar ao Peñarol em agosto do ano passado. O jogador chegou a estar na mira do Atlético-MG na última janela de transferências e foi convocado para a seleção principal pela primeira vez.

7. Beto da Silva (Argentinos Juniors)

Mais conhecido da torcida brasileiro, Beto da Silva já está em um clube brasileiro. O atacante peruano de 21 anos pertence ao Grêmio, mas foi emprestado ao Argentinos Juniors para ganhar mais rodagem, já que tinha pouco espaço no time de Renato Gaúcho.

*FONTE: 90MIN

Loading...

Categorias

Últimas Postagens

Título da postagem com limitação de caracteres.

Subtítulo da postagem com limitação de caracteres.

Notícias de Última Hora