Header Ads

  • Concurso e Empregos

    Vídeo mostra jovem sendo morto por 'amigo' em encontro: 'Foi uma cilada'



    Os policiais do Ceará ainda tentam entender o que aconteceu com o jovem Felipe dos Santos, de apenas 19 anos, morto após ter sido enganado e atraído para uma verdadeira emboscada. A única informação confirmada até o momento é de que o rapaz recebeu a ligação de um amigo para ir até ao local do crime. 

    Agora, as autoridades tentam descobrir quem teria efetuado os disparos, se foi o suposto amigo do jovem ou ainda se foi um terceiro envolvido no crime. A única prova até o momento, é uma gravação feita pela pessoa que assassinou Felipe. O caso aconteceu na cidade de Sobral, no interior do estado cearense.

    O vídeo, que também está sendo divulgado nas redes sociais, mostra a vítima chegando para conversar com o amigo.



    No entanto, assim que chega ao local, o jovem começa a ser baleado. Pelas imagens, se percebe que ele ainda tenta correr, porém, o suspeito efetua vários disparos, para ter certeza que o rapaz fosse morto. Ao que tudo indica, essa foi mais uma execução, ainda mais que a vítima não foi roubada. Familiares, desesperados com a situação, ainda revelaram que receberam uma ligação de Felipe, informando que havia caído em uma "cilada".


    Jovem não tinha passagem pela polícia

    A Polícia Civil ainda conta com algumas dúvidas sobre o crime. No entanto, confirmam o que já está praticamente certo que tenha acontecido. O garoto, que era jovem aprendiz em uma empresa da cidade, recebeu uma ligação de um amigo, que não teve a identidade revelada, e foi até o local do crime. Chegando lá, foi baleado até a morte pelo suspeito.

    A grande dúvida até o momento é quem foi o responsável pelos disparos. O principal suspeito é a mesma pessoa que fez a ligação. Mas, de acordo com as autoridades, ainda pode existir outro ou outros envolvidos.

    A tia da vítima, uma dona de casa de Sobral, afirma que quer justiça. O rapaz não tinha passagens pela polícia e nem envolvimento com o crime organizado. Pelo contrário, era trabalhador e considerado um jovem de caráter. O que mais enfurece os familiares é ainda não ter ideia dos motivos que levarem Felipe a ser assassinado.




    Os policiais já trabalham com algumas hipóteses. Uma delas pode ser a guerra de facções que acontece no Ceará. As autoridades explicam que mesmo sem ter envolvimento, a vítima poderia conhecer algum criminoso, que tinha rivais. Assim, esses inimigos de um amigo de Felipe podem ter feito tudo isso como forma de mandar recado para essa terceira pessoa. Por enquanto, é uma das únicas explicações encontradas para o crime.

    Assista: