Header Ads

  • Concurso e Empregos

    Cuidado! Se você sente esses sintomas, pode estar com Aids


    A AIDS é causada pelo vírus HIV, que interfere na capacidade do organismo de combater infecções. Falar de Aids é falar de doença e também falar de preconceito. As pessoas que têm essa doença sofrem bastante porque são vistas de forma negativa pela sociedade. Todos nós estamos sujeitos a ter essa doença se não nos prevenirmos e a maneira adequada para prevenção é o uso da camisinha. Alguns sintomas da Aids são confundidas com viroses e gripe por isso algumas pessoas não são diagnosticadas no início da doença.


    A transmissão do HIV ocorre por meio do sangue, sêmen (também o líquido seminal que escorre no início da ereção), secreções vaginais e leite da mãe para o recém-nascido ao amamentar, por isso recomenda-se a não amamentação quando a mãe tem o HIV.  O vírus só se reproduz caso entrem em contato com algum ser vivo.



    O HIV ataca vários tipos de células, principalmente os Linfócitos T. A grande jogada do HIV é a forma como ele se reproduz dentro do paciente.

    Dados de 2016 mostram que mais de 18 milhões de pessoas no mundo começaram um tratamento contra a Aids, isso significa que a doença não está tão distante e se deve ter muito cuidado.
    Aids é uma doença que não tem cura

    Ao contrário da maioria das doenças, ainda não há cura para quem tem HIV. As pessoas portadoras da Aids usam medicamentos para controlar o vírus e muitos deles têm a esperança de que um dias os médicos possam descobrir a cura para esse mal terrível. A doença começou por volta dos anos 20 na República Democrática do Congo (RDC) e assustou a população. A Aids é considerada uma pandemia, que apesar da diminuição dos portadores, assombra as pessoas ao redor do mundo.



    Sintomas do HIV

    Os primeiros sintomas de HIV observáveis para Aids são fraqueza, febre, emagrecimento, diarreia prolongada sem causa aparente. Na criança que nasce infectada, os efeitos mais comuns são problemas nos pulmões, diarreia e dificuldades no desenvolvimento. O certo é ficar em alerta após sentir esses sintomas e ir a um médico fazer o diagnóstico.

    Tratamento

    Antigamente, era muito difícil ser portador do vírus porque era praticamente uma sentença de morte. Algumas pessoas acreditavam que o HIV vinha dos gays e a classe era bastante injustiçada. O tratamento para a doença melhorou bastante e é 100% eficaz para os portadores que querem viver muitos anos. Com dois comprimidos por dia, um indivíduo pode tratar a doença e quem segue direitinho a prescrição médica consegue ter uma vida normal e sem muitos problemas.