Header Ads

  • Concurso e Empregos

    Casal é infectado por parasitas após caminhar na praia com pés descalços


    Era para ser uma caminhada romântica na praia, mas se tornou uma dos maiores pesadelos de um jovem casal canadense. Katie Stephens, de 22 anos, e Eddie Zytner, de 25, retornaram da sua viagem a República Dominicana já advertindo aqueles que estão planejando viajar para algum lugar tropical. Após o retorno da viagem, os pés do casal coçavam constantemente e após consultar três médicos, descobriram que havia entrado em contato pulgas de areia.

    Depois de voltar para casa em 18 de janeiro, Zytner percebeu que seus pés ficaram muito inchados e pequenos caroços se desenvolveram nos dedos dos pés.

    Stephens escreveu no Facebook que o casal "simplesmente pensou que era apenas picadas de insetos e foi ficando pior com o passar dos dias.



    Dois médicos ficaram perplexos com o que estava causando o inchaço, mas Zytner disse que um terceiro médico reconheceu a condição, como ele havia visto recentemente um caso semelhante de um turista que viajou para a Tailândia.

    O casal, de acordo com o post de Stephens no Facebook, contraiu a larva migrans, conhecida em termos leigos como ancilostomias. Ela disse que provavelmente entrou em contato com os parasitas ao caminhar nas praias de areia de seu resort em Punta Cana.





    Medicamento

    Um médico prescreveu os dois ivermectina - um medicamento usado para matar worms que se desenvolvem no corpo.

    No entanto, Stephens disse que o departamento nacional de saúde pública do Canadá, a Health Canada, negou seu pedido de medicação porque não está licenciado no Canadá - então sua mãe teve que dirigir para Detroit, Michigan, nos EUA para obter o medicamento.


    Stephens acrescentou que sua mãe compartilhou sua história no Facebook para alertar as pessoas que viajam para áreas tropicais. Zytner ainda afirmou que queria que os médicos se conscientizassem da condição.

    "Queremos compartilhar com os médicos o que é, o que procurar, porque nos levou algumas viagens ao hospital para descobrir o que era", disse Zytner à CTV News.

    Zytner disse que seus pés estão cada vez melhor e o próximo passo do casal é ver um especialista para determinar o tratamento que eles precisam para recuperar o dano da pele em seus pés.