Header Ads

  • Concurso e Empregos

    Câmera filma homem ateando fogo em ex-companheira em Abreu e Lima


    Câmeras de segurança registraram o momento em que um homem ateia fogo na ex-companheira Mirela dos Santos Oliveira, de 26 anos, na última quinta-feira (23), em Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife. De acordo com a Polícia Civil, o suspeito seria o ex-companheiro da vítima Edvaldo de Moura Oliveira, 34 anos, preso nessa terça-feira (28). A jovem morreu no Hospital da Restauração (HR) no mesmo dia do ataque.






    Nas imagens, é possível ver quando o suspeito puxa a vítima pelo braço para fora da casa e empurra-a de volta, onde Mirela parece ser agredida. Logo em seguida, um clarão toma conta do lugar e o filho do casal, de apenas 4 anos, aparece entrando na casa.
    Após atear fogo em Mirela, o homem pega algo fora de casa e volta, enquanto a criança observa a cena. Uma outra mulher chega e tira o menino do local. Então, o suspeito vai embora em uma motocicleta.

    Relembre

    Inconformado com o fim do relacionamento, o homem ateou fogo na ex-companheira, no Bairro de Caetés, em Abreu e Lima. Ele foi até a casa da mãe da vítima, na noite de uma quarta-feira (8), jogou gasolina no corpo dela e em seguida pôs fogo. A dona de casa de 26 anos saiu correndo com o corpo em chamas e mergulhou dentro de uma caixa d'água. O ex-companheiro ainda foi atrás e agrediu a vitima com uma barra de ferro. Depois do crime, o suspeito fugiu. 

    PUBLICIDADE


    De acordo com familiares de Mirela dos Santos, a jovem estava separada do seu ex-companheiro, identificado como Vado Moura, há cerca de um mês. Os dois estiveram casados por seis anos e o homem não aceitava o fim do relacionamento. Ela, que já tinha uma filha do primeiro relacionamento, teve um filho com o suspeito. A criança, inclusive, teria presenciado o momento em que a mãe foi queimada. O padrasto da vítima, que tentou impedir o ataque do ex-genro chegou a fraturar a perna e foi submetido a uma cirurgia na última quarta-feira (22). A mãe da jovem entrou em estado de choque ao saber do falecimento da filha.

    Prisão

    A Polícia Civil de Pernambuco prendeu nesta terça-feira (28) o homem de 34 anos suspeito de atear fogo na companheira. Edvaldo de Moura Oliveira, de 32 anos, é o suspeito de incendiar e matar a vítima, Mirela dos Santos Oliveira, de 26 anos, na última quinta-feira (23), em Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife.
    A Justiça já havia decretado a prisão preventiva do homem. 

    PUBLICIDADE



    A dona de casa foi enterrada na tarde da última sexta-feira (24). Durante o enterro, no cemitério de Abreu e Lima, familiares e amigos cobraram mais empenho da policia e punição para o suspeito. Mirela dos Santos morreu nessa quinta-feira (23), no Hospital da Restauração (HR), no bairro do Derby, área central do Recife, após uma parada respiratória. A dona de casa deixa dois filhos, um menino de quatro anos e uma menina de sete.