-->

Senhor do Bonfim

Região

Bahia

Brasil e o Mundo

Entretenimento

Acessando

Tragédia: Mulher dirige bêbada e acaba matando três pessoas em São Paulo




Hoje traremos uma notícia que já se tornou frequente nos fins de semana. Três famílias tiveram uma péssima notícia neste último sábado (30), quando descobriram que um de seus familiares tinham ido a óbito, após sofrerem um grave acidente no recuo da Marginal Tietê, em São Paulo. A motorista culpada pelo acidente, contou à polícia que tinha bebido e que falava ao celular.




Ato irresponsável deixa três mortos na Marginal Tietê

A motorista responsável pelo acidente, identificada por Talita Sayuri, de 28 anos, admitiu ao delegado que retornava de uma casa noturna na Zona Sul da cidade e nem compreendeu quando perdeu o controle do automóvel e acabou atingindo as três pessoas que estavam do lado de fora, num recuo, para trocar o pneu do automóvel.






O delegado afirmou que o crime é inafiançável, portanto não tem fiança. Somente nos próximos dias quando ela for para uma audiência de custodia, o juiz poderá arbitrar essa fiança. Talita vai responder por dois crimes: o primeiro de homicídio doloso, quando há intensão de matar, e o segundo por embriagues ao volante.




Teste do bafômetro comprova que responsável por atropelamento na Marginal Tietê estava alcoolizada.
Depois de ser submetida ao exame de sangue, a acusada foi direta para a delegacia. O teste de bafômetro realizado momentos após o acidente, confirmou que a motorista Talita Sayuri, estava embriagada. O resultado marcou 0,48 miligrama de álcool por litro de ar no organismo da motorista.


De acordo com o artigo 306 do Código Brasileiro de Trânsito, dirigir sob efeito de álcool acima de 0,34 miligrama, resulta em cadeia. A detenção calculada para o motorista vai de 6 meses a 3 anos, além de multa, suspensão ou proibição da habilitação. “A motorista confessou que tinha feito o uso de bebidas alcoólicas, com a capacidade automotora alterada, vestimenta desajeitada e fala pastosa”, “Segundo ela, ela foi mexer ao celular e perdeu o controle do carro, onde acabou ocasionando esse triste acidente”, afirmou o soldado Souza Mendes, da Polícia Militar.






O acidente ocorreu por volta das 5h da manhã, na pista expressa da Marginal Tietê, sentido Airton Sena, alguns metros depois da Ponte dos Remédios. Talita colidiu primeiramente na mureta, antes de atropelar as três pessoas que estavam para fora do carro no recuo da pista.


Entre as vítimas, estavam um homem de 49 anos, e duas mulheres de 28, que vieram a óbito após serem atingidos. Uma das vítimas era Vanessa Lopes Relva. A família dela esteve na delegacia, onde em entrevista, desabafaram o quanto estavam arrasados com o corrido. “Eu só quero que a responsável não saia impune, pois ela destruiu três famílias”, disse o pai de Vanessa
.


.