Header Ads

  • Concurso e Empregos

    Vídeo exibe primos cavando própria cova a mando do PCC antes de morrerem


    O Primeiro Comando da Capital, o PCC, não faz vítimas apenas em São Paulo, onde é mais conhecido. O grupo criminoso, que virou notícia em todo o país por conta dos conflitos em presídios, aparece em imagens assustadoras que foram feitas na cidade de Gravataí, que fica próximo à Porto Alegre, capital do estado do Rio Grande do Sul.

    No vídeo gravado por um dos bandidos do PCC, dois primos aparecem cavando a própria cova antes de serem assassinados. O caso ganhou destaque com o portal de notícias R7 nesta terça-feira (29).


    A polícia identificou os dois mortos das imagens.

    Um deles é Vagner da Rosa, de 17 anos. É ele quem aparece nas imagens com um cigarro nas mãos enquanto cava a própria cova. O outro rapaz, que também é morto, é o primo de Vagner.




    Ele foi identificado como Vitor Mateus da Rosa e tem 22 anos. O vídeo, que chegou às mãos da polícia e da imprensa, mostra o poder do PCC em todo o Brasil. Enquanto os rapazes fazem a própria cova, antes de serem mortos, os bandidos zombam deles.

    Na sequência, segundo o R7, que não disponibilizou o segundo vídeo, eles ateiam fogo nos dois primos e jogam roupas deles na nova. Pelas imagens dá a entender que eles querem sumir com provas do crime que cometeram.
    Polícia acredita que vídeo de morte de primos seja guerra entre facções locais

    A polícia, através do comunicado do delegado Felipe Borba, que investiga o caso, diz que a crueldade do vídeo pode estar relacionada com uma guerra entre facções. Para ele, que trabalha na Delegacia de Homicídios, isso explicaria a crueldade empregada nas imagens que correram pela internet.

    Imagem relacionada