Header Ads

  • Concurso e Empregos

    Professora universitária é morta a facadas dentro de casa



    Por volta das 9h da manhã desta sexta-feira (21), um crime bárbaro marcou o feriado de Tiradentes. A professora Rosângela Gomes Costa, 35 anos, que também é enfermeira, estava desaparecida desde a última quinta-feira (20) e foi encontrada amarrada na própria cama, amordaçada e com pelo menos oito perfurações pelo corpo. O crime chocou os moradores do rua Antônio Valverde Bastos, próximo a pracinha do Barreiro, em Alagoinhas, distante cerca de 110 quilômetros da capital baiana.

    De acordo com testemunhas, a vítima, que foi esfaqueada, estava nua e amarrada no interior do imóvel. Segundo a polícia, um vizinho da vítima acionou socorro após ouvir barulhos na residência dela durante a madrugada.

    Segundo informações que ainda estão sendo apuradas pela pela polícia, dão conta de que os barulhos ouvidos pelo vizinho durante a madrugada foram provocados por uma suposta briga entre Rosângela e um homem, que não teve a identidade revelada.

    Rosângela era professora universitária da Faculdade Santo Antônio e do Centro Territorial de Educação Profissional (Cetep).

    O corpo foi encaminhado pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT) para o Instituto Médico Legal (IML) e a Polícia Civil trabalha com a suspeita de crime passional, cometido pelo ex-namorado da vítima.