Um homem identificado como Josafá Xavier de Jesus, de 44 anos, foi preso na sexta-feira (17) acusado de cometer Estupro de vulnerável contra um garoto de 13 anos no município de #Senhor do Bonfim, na Bahia. Segundo informações da mãe, a criança sofre de deficiência intelectual. De acordo com as informações da Polícia Militar, a vítima também disse que já havia sido abusada outras cinco vezes pelo acusado.

A mãe da vítima, ao perceber o comportamento estranho do filho e depois de uma conversa com ele, entrou em contato com a polícia para prestar queixa. Após a denúncia, a guarnição sob comando do sargento César August, encaminhou uma equipe em direção à Rua do Aipim, bairro da Pera, em Senhor do Bonfim, onde o acusado foi encontrado.

Após receber voz de prisão, Josafá Xavier não ofereceu nenhuma resistência, foi colocado na viatura e encaminhado ao Complexo Policial do município, onde permanecerá custodiado e responderá pelo crime de estupro vulnerável, conforme o Art. 217-A - ter conjunção carnal ou praticar outro ato libidinoso com menor de 14 anos.

Josafá Xavier de Jesus poderá ser cumprir pena de oito a 15 anos de reclusão, caso a vítima também tenha sofrido lesões corporal de natureza grave.


Quem é Josafá Xavier de Jesus

Josafá, conhecido no município por “Léo”, “Néo” ou mais popularmente como “Bereguedê”, ficou conhecido por suas criações de brinquedos, como caminhões, ônibus entre outros. Ele também ganhou as redes sociais com gravações de seus vídeos cantando músicas internacionais.

Um dos vídeos foi compartilhado e estima-se que chegou a mais de 500 mil visualizações na rede social Facebook e também a centenas de visualizações na plataforma YouTube.

Josafá é apontado como um homem que aparentemente tranquilo, cumprimentava a todos nas ruas onde passava e durante muitos anos nunca teve seu nome envolvido em ações criminosas. “Bereguedê” sempre foi visto andando com crianças e adolescentes, e a notícia de estupro deixou muitas pessoas surpresas.

Veja abaixo a um dos vídeos em que ele canta músicas internacionais:

Postar um comentário :