Header Ads

  • Concurso e Empregos

    Dunga inclui Ganso, Fagner e Gabriel Jesus entre pré-convocados





    Dunga precisa cortar 17 nomes até a próxima semana. / Foto: CBFO técnico Dunga divulgou na tarde dessa sexta-feira (29) a lista com os 40 jogadores pré-convocados para a Seleção Brasileira que disputará a Copa América Centenário, em junho, nos Estados Unidos. Entre as novidades estão as presenças dos são-paulinos Rodrigo Caio e Paulo Henrique Ganso, do corintiano Fagner e do palmeirense Gabriel Jesus.



    Dunga analisará os nomes pré-convocados para realizar os cortes necessários antes da disputa da Copa América. A divulgação da lista com os 23 escolhidos está programada para o dia 5 de maio. É obrigatória a presença de ao menos três goleiros nessa relação.




    A presença de Ganso é a que chama mais chama a atenção. Sob o comando do argentino Edgardo Bauza, o meia se comprometeu a melhorar de rendimento para brigar por uma vaga na Seleção Brasileira. O compromisso com o Patón levou o jogador a acumular atuações decisivas pelo Tricolor na disputa do Campeonato Paulista e da Copa Libertadores. Já o são-paulino Rodrigo Caio é figura carimbada entre os nomes chamados para o time olímpico.


    Fagner, do Corinthians, ganhou destaque sob o comando de Tite e já era cotado como uma das opções para a lateral direita da Seleção. A equipe canarinho é carente de bons nomes para a posição em que Daniel Alves, do Barcelona, é o titular absoluto. Outro corintiano que consta na relação é Elias. O volante costuma ser titular com Dunga e só ficou afastado da Seleção por conta de lesões. O zagueiro Felipe, que chegou a ser chamado para as Eliminatórias à Copa do Mundo de 2018, ficou de fora da relação.


    Gabriel Jesus, por sua vez, ganhou espaço nas convocações das categorias de base e tem presença quase certa nas Olimpíadas do Rio de Janeiro. O atacante Gabriel, do Santos, é outro jovem jogador que poderá ser utilizado para ganhar experiência na Copa América.


    O zagueiro David Luiz não aparece na relação. O defensor do Paris Saint-Germain teve as convocações à Seleção contestadas pelos torcedores após atuações ruins nas Eliminatórias à Copa do Mundo de 2018. O craque Neymar não foi liberado pelo Barcelona e também não jogará o torneio. Como não tinha a obrigação de cedê-lo à Seleção, o clube catalão havia informado a CBF que só aceitaria a participação do atacante nos Jogos Olímpicos desse ano.


    O lateral esquerdo Marcelo, do Real Madrid, não mantém boa relação com o técnico Dunga e segue fora da lista. O zagueiro Thiago Silva também não chamado por opção do treinador. Considerado um dos melhores defensores do mundo, o atleta do Paris Saint-Germain deixou de ser convocado desde que cometeu o pênalti que abriu caminho para a eliminação do Brasil na Copa América de 2015, nas quartas de final, contra o Paraguai.


    Confira abaixo os pré-convocados:

    Goleiros: Alisson (Internacional), Diego Alves (Valência-ESP), Ederson (Benfica-POR) e Marcelo Grohe (Grêmio)

    Laterais: Daniel Alves - Barcelona (ESP), Fabinho - Mônaco (FRA), Fágner - Corinthians, Alex Sandro - Juventus (ITA), Douglas Santos - Atlético Mineiro e Filípe Luís - Atlético de Madrid (ESP).

    Zagueiros: Gabriel Paulista - Arsenal (ING), Gil - Shandong Luneng (CHI), Jemerson - Monaco (ITA), Marquinhos - Paris Saint Germain (FRA), Miranda - Inter de Milão (ITA) e Rodrigo Caio - São Paulo.

    Meio-campistas: Casemiro - Real Madrid (ESP), Elias - Corinthians, Fernandinho - Manchester City (ING), Luiz Gustavo - Wolfsburg (ALE), Rafinha Alcântara - Barcelona (ESP), Walace - Grêmio, Felipe Anderson - Lazio (ITA), Kaká - Orlando City (EUA), Lucas Lima - Santos, Lucas - Paris Saint Germain (FRA), Oscar - Chelsea (ING), Paulo Henrique Ganso - São Paulo, Philippe Coutinho - Liverpool (ING), Renato Augusto - Beijing Guoan (CHI), Willian - Chelsea (ING), Alex Teixeira - Jiangsu Suming (CHI) e Douglas Costa - Bayern de Munique (ALE).



    Atacantes: Firmino - Liverpool (ING), Gabriel - Santos, Gabriel Jesus - Palmeiras, Hulk - Zenit (RUS), Jonas - Benfica (POR), Luan - Grêmio e Ricardo Oliveira - Santos.