O estudante de direito Thiago Ramos de Souza, de 28 anos, foi morto a tiros quando chegava na faculdade para o primeiro dia de aula no município de Paulo Afonso, na região do Vale do São Francisco.

De acordo com a delegada de Paulo Afonso, Antônia Jane, o crime aconteceu por volta das 19h de terça-feira (2), na Rua Vereador José Moreira, no centro da cidade.

Thiago estava chegando para o primeiro dia de aula na Faculdade Sete de Setembro (Fasete) quando foi abordado por homens armados. Os suspeitos estavam em um HB20 branco, desceram do veículo e atiraram contra o estudante.

No momento do crime, Thiago estava com uma prima, mas a moça conseguiu fugir e não foi ferida. Depois de matar o estudante, os bandidos fugiram. “Ainda não temos o número exato de bandidos e estamos investigando a motivação do crime. O carro em que a vítima estava era blindado e os bandidos não levaram nada depois do crime. Executaram e foram embora”, contou a delegada.


A ação foi flagrada por uma câmera e as imagens estão sendo analisadas pela Polícia Civil. A delegada ouviu a prima e outros parentes de Thiago, mas não divulgou o conteúdo dos depoimentos para não atrapalhar as investigações. A polícia ainda não tem suspeitos de autoria.


O estudante foi atingido diversas vezes. Segundo investigadores, ao menos, sete tiros foram disparados, mas a polícia não confirmou se todos atingiram a vítima. Os bandidos usaram escopetas e pistolas para praticar o crime.


O corpo do estudante foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Paulo Afonso e liberado para o enterro na tarde desta quarta-feira (3). Thiago morava e trabalhava em Paulo Afonso, como comerciário. Ele não era casado. Deixa namorada e um filho.



Postar um comentário :